quarta-feira, 29, maio, 2024
24 C
Cuiabá

Cuiabá: Obra de requalificação de trecho da avenida Fernando Corrêa segue em ritmo acelerado

Mais lidos

Por: Eliana Bless/Ascom

As obras de requalificação da pavimentação de um trecho da Avenida Fernando Corrêa estão avançando em um ritmo acelerado. O segmento de 750 metros, localizado no sentido bairro-centro, próximo ao Residencial Coxipó, já passou pelo processo de fresagem, que envolve a remoção do pavimento antigo antes da aplicação de uma nova camada de asfalto.

A próxima fase consistirá no reperfilamento, que pode ser feito por meio de fresagem ou pela adição de materiais para restaurar a superfície do pavimento, preparando-o para receber a camada final de asfalto. Prevê-se que essa etapa seja concluída em breve, permitindo assim a aplicação da camada final de asfalto.

Estima-se que, em um prazo de 10 dias, as obras se iniciem no trecho oposto da Avenida. No total, serão recuperados 1,5 km de extensão (750 metros de cada lado), com um investimento aproximado de R$ 1,8 milhão.

Os trabalhos de reabilitação da pavimentação da Avenida Fernando Corrêa tiveram início em 01 deste mês, atraindo a atenção dos moradores dias antes com a presença das máquinas e equipamentos no local.

O prefeito Emanuel Pinheiro ressaltou: “A população em breve desfrutará de uma nova via, uma vez que o asfalto antigo foi retirado para dar lugar a uma via que condiz com as necessidades de tráfego local, apresentando excelente qualidade e sinalização adequada para todos os usuários da avenida”.

É importante lembrar que essa via é a principal entrada e saída da capital para a região Sul, porém, enfrentava problemas devido às imperfeições que comprometiam a segurança e a qualidade do tráfego, gerando insatisfação entre os usuários.

O trecho em questão estava sob a responsabilidade do Departamento Nacional de Infraestrutura (DNIT) e somente após a transferência para a Prefeitura de Cuiabá foi possível realizar as intervenções necessárias.

O vice-prefeito e secretário municipal de Obras Públicas, José Roberto Stopa, destacou que algumas das obras anteriores foram mal planejadas, resultando em estruturas com defeitos, deficiência de drenagem, falta de rede de microdrenagem e calçadas inadequadas. Ele afirmou: “É evidente que essas questões exigem a atenção do poder público, e estamos empenhados em resolver esses problemas para proporcionar uma melhor qualidade de vida aos moradores”.

- Publicidade -
960x120
- Publicidade -

Últimas notícias

Feito com muito 💜 por go7.com.br