segunda-feira, 4, março, 2024
30 C
Cuiabá

Governador de MT abre oficialmente a 30ª Feira Internacional de Turismo do Pantanal

Mais lidos

O governador Mauro Mendes abriu oficialmente a Feira Internacional de Turismo (FIT) do Pantanal nesta quinta-feira (04.05), no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá. Neste ano é celebrado os 30 anos do evento, o principal no calendário de Mato Grosso. São esperados 100 mil visitantes nos quatro dias da feira, que segue até domingo (07.05). A entrada é gratuita.

“É um prazer estar na abertura desta importante feira e ela vai mostrar o potencial do turismo de 38 cidades mato-grossenses. Precisamos cada vez mais investir nessa importante atividade econômica que é o turismo, que movimenta milhões de pessoas ao redor do planeta. Nosso Estado tem boas alternativas e grande potencial e o nosso desafio e prioridade são investimentos em infraestrutura para potencializar a atividade”, destacou o governador Mauro Mendes.

Ele ressaltou que o turismo será uma das principais atividades econômicas do Estado nos próximos anos. “Além de uma potência agrícola, queremos ser também uma potência no ecoturismo. Por isso estamos investindo em infraestrutura, como por exemplo, o Parque Novo Mato Grosso. Ele será o maior e melhor equipamento público para a atividade esportiva e turística”.

O secretário de Sustentabilidade, Desenvolvimento Territorial e Infraestrutura em Turismo do Ministério do Turismo, Carlos Henrique Sobral, parabenizou o governador Mauro Mendes por dar opção de crédito a juros mais baixos aos empresários do trade de turismo em opção ao Fungetur, mecanismo de crédito do Governo Federal ao fomento do turismo como negócio.

“Antes a taxa do Fungetur era a Selic e ficou uma situação insustentável com a taxa de juros para a tomada de empréstimos. Mas por meio da Sedec, o governador autorizou para que esses contratos do Fungetur fossem renegociados com taxas de juros mais baixas, favorecendo os empresários”, disse Sobral.

Com o tema “Tudo Isso é Seu”, a FIT Pantanal reúne expositores de 38 municípios de Mato Grosso e outros três países – Bolívia, Paraguai e Peru, além de operadores de turismo, entidades e artesãos, totalizando 89 estandes.

A FIT Pantanal tem uma programação diversificada e cultural, com mais de 55 opções de capacitações, oficinas, e palestras com especialistas em turismo, gastronomia, tecnologia e marketing, por meio de parcerias com o Sistema Fecomércio, Assembleia Legislativa, Sebrae-MT, Prefeitura de Cuiabá, Senac-MT e mais 14 instituições apoiadoras.

O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, César Miranda, referendou a fala do governador e destacou que o turismo é uma indústria limpa e o Governo tem investido nisso.

“É uma alegria retomar a FIT Pantanal para que possamos mostrar ao mato-grossense, ao brasileiro e ao mundo o potencial turístico do Estado. Temos o Pantanal que é único no planeta, temos Cerrado, a Amazônia e com o Governo investindo em infraestrutura, para dar conforto ao turista, o evento vai gerar grandes negócios e promover as nossas atrações turísticas”, frisou o secretário.

O presidente da Fecomércio, José Wenceslau de Souza Júnior, afirmou que a FIT Pantanal atrai turistas do Brasil todo mostrando o que Mato Grosso tem de belezas e trazendo mais pessoas para conhecer os locais. Isso demonstra uma tendência no crescimento de visitantes no Estado.

“O volume de turistas em 2023 é 15% superior a 2022. O número de empresas do setor de turismo que abriram foi maior do que as que fecharam. A arrecadação de ICMS do setor de turismo neste ano apresentou crescimento de 46% em janeiro e fevereiro deste ano em relação a 2022. Já estamos vivendo essa realidade e incentivando cada vez mais o trade do turismo no Estado”.

Além da Sedec, o Governo do Estado está presente na FIT Pantanal por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf), Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) e a Desenvolve-MT.

A FIT Pantanal é uma realização do Governo de Mato Grosso com o Sistema Fecomércio, apoio institucional da Assembleia Legislativa e da Prefeitura de Cuiabá, além do apoio de dez entidades ligadas ao trade do turismo.

Também participaram do evento o secretário de Sustentabilidade, Desenvolvimento Territorial e Infraestrutura de Turismo do Ministério do Turismo, Carlos Henrique Sobral; o senador Wellington Fagundes, deputado federal Abílio Brunini, os deputados estaduais Max Russi, Carlos Avallone e Júlio Campos; presidente do Sebrae/MT, Jonas Alves de Souza, secretário municipal de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico de Cuiabá, Francisco Vuolo; prefeitos municipais, dentre outras autoridades.

Feira Gastronômica e Cultural

A Feira Gastronômica, que ocorre todos os dias a partir das 17 horas e segue até às 22 horas. Bares e restaurantes oferecem opções de pratos típicos, salgados, carnes e doces.

Já a programação artística e cultural começa a partir das 18 horas com atrações nacionais e internacionais.

No primeiro dia, teve a apresentação Wanessa Dias (voz e violão), da Orquestra Ciranda Mundo (Instituto Ciranda), a apresentação do Grupo Aldeia Wazare, da etnia Paresi, da Associação Cultural Flor Ribeirinha e  banda Scort Som.

O cantor Jhéo Gil abre a programação na sexta-feira (05), seguido da apresentação do Grupo Aldeia Wazare, da etnia Paresi. Na sequência, o Grupo de Siriri Flor de Atalaia se apresenta. A atração internacional ficará por conta do Grupo Folclórico Canindeyú Mbarete, do Paraguai, às 21 horas. Mais uma vez, a programação encerra com show da banda Scort Som, às 22h.

No dia 6, a abertura da programação cultural vai ficar com Vinícius Carvalho (voz e violão). O grupo de Vila Bela da Santíssima Trindade se apresenta em seguida, às 19h, com a Dança do Congo e do Chorado. O Grupo Mascarados, de Poconé (MT), se apresenta às 20h, com o Grupo Folclórico Canindeyú Mbarete (Paraguai) em seguida, às 21h. A banda Pescuma, Henrique e Claudinho encerra as atrações do dia às 22h.

A programação cultural da FIT Pantanal 2023, no último dia (7), vai iniciar mais cedo, às 16h, com o Grupo Raízes do Pantanal (Poconé-MT). Em seguida, às 17h, será a vez da banda de sopros do Instituto Germinando Som – Grupo Nativista Som da Cidade (de Campo Verde-MT). Na voz e violão, Joel Delatorre se apresenta às 18h, seguido do Grupo Folclórico Canindeyú Mbarete (Paraguai), às 19h. A dupla Nico e Lau encerra o último dia da FIT Pantanal 2023, às 20h.

Fonte: Débora Siqueira/Sedec-MT

- Publicidade -
960x120
- Publicidade -

Últimas notícias

Feito com muito 💜 por go7.com.br