sexta-feira, 17, maio, 2024
24 C
Cuiabá

Com o forte calor e a baixa umidade do ar, estudantes da rede participam de atividades com banhos de mangueira e cuidados na alimentação

Mais lidos

Por: Maria Barbante/Ascom

O calor e a baixa umidade do ar registrados em Cuiabá nos últimos dias estão fazendo com que as unidades educacionais da rede pública municipal de ensino de Cuiabá mudem sua rotina, principalmente nas aulas de educação física e de recreação.

Nesta quarta-feira (23), quando os termômetros chegaram aos 42º C  na capital, estudantes da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Agostinho Simplício de Figueiredo participaram de uma atividade interativa com balões de água. A diretora escolar Ozanil Rondon Soares Pereira contou que as crianças adoram a atividade que vem sendo realizada na unidade desde o inicio da temporada de calorão. “Comunicamos aos pais e no dia determinado para cada sala os estudantes vem com roupas leves e no horário da aula de educação física e de artes, promovemos a atividade”, contou Ozanil Rondon.

Na escola, outros cuidados foram implementados como o uso de umidificadores de ar e as orientações as crianças para estarem sempre com suas garrafinhas de água.

Nos Centros Educacionais Infantis Cuiabanos (CEIC), creches e Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEI), que atendem crianças menores, a atenção é redobrada por se tratar de crianças pequenas de até cinco anos de idade. Nessas unidades, também é realizada a ducha interativa e adotadas medidas para garantir o bem-estar das crianças.

Evitar atividades físicas intensas, incluir o uso de garrafinhas de água na sala de aula, adaptação do cardápio, incluindo mais frutas e sucos, são algumas das outras medidas adotadas nas unidades educacionais e a recreação é realizada em espaços arborizados.

No Centro Educacional Infantil Cuiabano (CMEI) Eng. Oscar Amélito as atividades incluem banhos de mangueira, brincadeiras nas piscinas, muito suco de frutas e água. Segundo a diretora da unidade, Denis Rodrigues depois de passarem pelo momento de recreação as crianças ficam mais tranquilas e concentradas nas atividades propostas em sala de aula. Nesta quinta-feira (24), dentro da rotina universalizada, o banho foi de mangueira com distribuição de suco de manga.

Os cuidados incluem também a alimentação das crianças além de beber muita água é importante manter uma dieta balanceada com o consumo de frutas e sucos que ajudam a melhorar a hidratação do organismo.

Orientativos produzidos pelas Coordenadorias Técnicas de Ensino e Coordenadoria de Nutrição Escolar auxiliam no dia a dia chamando a atenção para que os profissionais não esperem as crianças pedir água e sim oferecer o líquido durante todo o dia.

O ideal segundo os nutricionistas crianças de 0 a 6 meses devem ingerir em torno de 700 ml de água por dia; de 7 a 12 meses, 800 ml; de 1 a 3 anos, 1,3 litros; de 4 a 8 anos, 1,7 litros; de 8 a 13 anos, 2,4 litros e de 14 a 18 anos, 3, 3 litros.

- Publicidade -
960x120
- Publicidade -

Últimas notícias

Feito com muito 💜 por go7.com.br