segunda-feira, 4, março, 2024
34 C
Cuiabá

Servidores da Saúde participam de curso de vigilância da dengue, zika e chikungunya

Mais lidos

Servidores dos 16 Escritórios Regionais de Saúde da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) e de quatro municípios de Mato Grosso participam, nesta semana, de capacitação sobre vigilância das arboviroses urbanas dengue, zika e chikungunya. O curso iniciou na segunda-feira (25.04) e segue até esta quarta-feira (27.04), no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá.

Conforme a coordenadora de Vigilância Epidemiológica da SES, Janaína Pauli, o objetivo da capacitação é qualificar os técnicos da vigilância epidemiológica para manuseio dos dados com eficiência e monitoramento adequado da plataforma Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan).

“A SES trabalha para que as informações estejam alinhadas com a realidade dos casos no estado. Dessa maneira, a população e os municípios conseguem atuar de forma efetiva no combate às arboviroses urbanas”, diz Janaína.

Dentre os palestrantes do curso está a epidemiologista da Coordenação Geral das Arboviores do Ministério da Saúde, Camila Ribeiro, e o interlocutor do Sinan, Rodrigo Pulcherio.

Durante a capacitação, estão sendo discutidos os cenários epidemiológicos para dengue, zika e chikungunya em Mato Grosso; a análise e interpretação dos indicadores; a rotina de monitoramento das doenças; o fluxo de laboratório para amostras; o protocolo de investigação de óbitos para as doenças e o plano de contingência.

De acordo com a responsável técnica das arboviroses da SES, Cecília Cintra, a Secretaria de Estado já encerrou um plano de ação que auxiliou a organização da Atenção Primária à Saúde e ofertou oficinas de manejo clínico.

“Demos início ao fortalecimento da vigilância epidemiológica nas regionais e em alguns municípios com o registro de óbitos pela doença. Estamos reunidos nesses três dias para nos atualizarmos no que há de mais novo em organização e também na avalição dos bancos dos dados”, explica a Cecília.

Participam da capacitação técnicos da vigilância epidemiológica do Escritório Regional de Saúde da Baixada Cuiabana, de Rondonópolis, Barra do Garças, Cáceres, Juína, Porto Alegre do Norte, Sinop, Tangará da Serra, Diamantino, Alta Floresta, Juara, Peixoto de Azevedo, Água Boa, Pontes e Lacerda, Colíder e São Felix do Araguaia. Também integram o curso os técnicos das Secretarias Municipais de Saúde de Colíder, Água Boa, Confresa e Peixoto de Azevedo.

Fonte: Fernanda Nazário/SES-MT

- Publicidade -
960x120
- Publicidade -

Últimas notícias

Feito com muito 💜 por go7.com.br