terça-feira, 5, março, 2024
29.1 C
Cuiabá

Hospital Central já tem 90% das obras executadas

Mais lidos

As obras de construção do Hospital Central de Alta Complexidade, em Cuiabá, já estão 90% concluídas. A unidade hospitalar, que será a maior de Mato Grosso, irá atender as demandas de alta complexidade em saúde e receberá investimentos na ordem de R$ 184,5 milhões.

A unidade foi reprojetada pelo Governo de Mato Grosso e é construída pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT).

O secretário de Estado de Saúde, Juliano Melo, avalia positivamente o andamento da obra e ressalta a importância do hospital para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Esse é um hospital que estava abandonado há 34 anos e que foi retomado pela gestão do governador Mauro Mendes. Além de emblemático, o Hospital Central vai possibilitar a ampliação dos serviços de alta complexidade ofertados pelo Estado, de forma a dar mais resolutividade e eficiência à rede do SUS em Mato Grosso”, explica o gestor.

A unidade terá capacidade para oferecer 1.990 internações, 652 cirurgias, 3.000 consultas especializadas e 1.400 exames por mês. O novo projeto prevê 10 salas cirúrgicas, 60 leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 230 leitos de enfermaria. Além disso, a unidade de alta complexidade vai dispor um total de 290 leitos voltados para o atendimento de toda a população mato-grossense.

Dentre as especialidades previstas para o Hospital Central estão cardiologia, neurologia, vascular, ortopedia, otorrinolaringologia, urologia, ginecologia, infectologia e cirurgia geral.

De acordo com a secretária adjunta de Infraestrutura e Tecnologia da Informação da SES, Mayara Galvão, a obra do Hospital Central está em ritmo acelerado.

“Esse é um grande projeto reelaborado pela equipe de obras da SES e que também conta com a consultoria de equipe do Hospital Israelita Albert Einstein. Estamos trabalhando muito para utilizar o que há de mais moderno e tecnológico em saúde no Hospital Central. Será um hospital de ponta e que deve ser entregue ainda em 2023”, acrescentou.

Na obra, estão em andamento os serviços de infraestrutura hidros sanitários, elétrica de baixa tensão e média tensão, cabeamento estruturado, rede de água fria e dutos de ar condicionado, pele de vidro, divisórias, bancadas, louças, pintura, asfalto, grupo de geradores, combate a incêndio, rede de gás medicinal, elevadores, casa de máquinas, revestimento de piso e parede, forro e iluminação.

Fonte: Ana Lazarini/SES-MT

- Publicidade -
960x120
- Publicidade -

Últimas notícias

Feito com muito 💜 por go7.com.br