Home Artigos Discos de Travão: Quais os sinais de falha e causas
fullhome_2
fullinterna_2
fullinterna_3

Discos de Travão: Quais os sinais de falha e causas


| Fonte: Da Redação NMT

Em torno dos anos 1890, Elmer Ambrose utilizou o freio a disco, pela primeira vez, em um carro elétrico. Este tipo de freios surgiu para substituir os antigos freios a tambor, que causavam diversos problemas devido a dissipação de calor em alta velocidade e a baixa eficiência, quando utilizados sob a água.

Estes discos têm grande importância pois tem como função diminuir a rotação das rodas ligadas ao disco. Desta força, quando pressionado, os calços de travão diminuem a velocidade da roda. Assim, ocorre uma travagem suave e controlada, porém também forte, para casos emergenciais, garantindo a estabilidade do automóvel.

Os primeiros sinais que o automóvel aponta de que há danos nos discos de travão são: sinais de estalo, chiado ou ruído ao realizar a travagem; ocorrência da vibração do pedal do travão; aumento da distância de travagem; aumento do consumo líquido dos travões; derrapagens acontecendo com frequência ao travar o veículo; e descida do pedal do travão.

As falhas dos discos podem ser detectadas quando se observa rachaduras na superfície, devido à falta de estabilidade adequada; desgaste progressivo do componente; danos mecânicos na peça; e alteração na grossura da mesma. A utilização de peças indevidas e a falta de manutenção podem levar a estas falhas, mas também a instalação de proteções defeituosas; desrespeito das regras estipuladas pelo fabricante; e fim da vida útil dos discos de travão.

A vida útil dos discos de travão, em suma, é curta. O estilo de condução, as diversas condições de trânsito, clima e asfalto causam grande impacto, podendo diminuir sua utilidade. Sendo assim, entende-se que os meios de garantir ótimo funcionamento dos discos de travão são: garantir que as superfícies funcionais estejam limpas; procedimento de substituição de acordo com as recomendações do fabricante; e seguir as devidas recomendações para desvio lateral, paralelismo e variação de espessura do disco. Quando os requisitos são cumpridos, há uma garantia da segurança do motorista e dos passageiros, de forma que riscos podem ser evitados com a devida manutenção.

Para garantir a travagem correta, é necessário consultar um especialista, que selecione corretamente o tipo de disco de travão que deve ser utilizado, de acordo com seu veículo. Caso apareça algum problema relacionados aos discos de travão no seu veículo, procure um centro automotivo que seja de confiança, com mecânicos capacitados para identificar qualquer problema que seu carro possa apresentar.

Desta forma, dá a possibilidade ao mecânico de poder fazer a substituição dos discos de travão, com peças que podem ser adquirida no site autopecasstore.pt ou lojas físicas. Outro ponto importante: a não ser que você possua os conhecimentos necessários para realizar reparos e substituições, não os faça.

rodape_mat
Rodape_Mat2

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here