Home Editorias Brasil Lula posta foto em praia e comemora: “Reencontro com a liberdade”
fullinterna5
fullinterna_1
fullinterna_3

Lula posta foto em praia e comemora: “Reencontro com a liberdade”


Clique do fotógrafo Ricardo Stuckert foi registrado no litoral baiano, onde o ex-presidente descansa antes de retornar a São Paulo
| Fonte: Metrópoles
RICARDO STUCKERT/ INSTITUTO LULA

Solto, ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aproveitou o primeiro feriado prolongado para curtir as praias do litoral baiano. Em Salvador desde a semana passada, onde participou de um reunião da Executiva Nacional do PT, o 15 de novembro – Proclamação da República no Brasil – teve um gosto especial para Lula. Nas redes sociais, o petista publicou fotos tiradas pelo fotógrafo Ricardo Stuckert, com a legenda: “Reencontro com a liberdade”.

Na imagem, Lula aparece de braços abertos, contemplando o pôr do Sol, em uma das praias do litoral nordestino. “Livre e na Bahia”, tuitou o amigo e companheiro de partido de Lula, Jaques Wagner.

O ex-presidente, que deixou a prisão na semana retrasada, usou os dias para descansar antes de retornar a São Paulo, onde terá uma agenda intensa, focada em reunir em torno de seu nome as forças de esquerda do país.

 

O plano do petista era ficar “sumido” de atividades públicas até a noite deste domingo (17/11/2019), apenas na companhia da namorada, Rosângela da Silva, conhecida como Janja, e de amigos, entre eles o senador Jaques Wagner. Esta noite, Lula “reaparecerá” em Recife, no Festival Lula Livre. O evento, que já passou por capitais como São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre, contará com a presença de vários artistas.

RICARDO STUCKERT/ INSTITUTO LULARicardo Stuckert/ Instituto Lula

 

Estratégia

 

Lula não pode ser candidato devido à condenação em 2ª instância no processo que trata do apartamento no Guarujá. Mesmo assim, segue uma rotina de candidato, com ações que visam mobilizar apoiadores contra o governo de Jair Bolsonaro.

De acordo com interlocutores mais próximos do presidente, seus indignados discursos, tanto na saída da prisão em Curitiba quanto na sede do Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo, no dia seguinte, tendem a dar lugar a uma fala mais estratégica nos próximos dias. O discurso de Curitiba, permeado por ataques a Bolsonaro, a veículos de imprensa, ao Ministério Público e à Justiça, é tido como um reencontro com os apoiadores que estiveram presentes no acampamento Lula Livre durante os quase 600 dias de prisão que o ex-presidente cumpriu devido à Lava Jato. O mesmo tom foi adotado por Lula em São Bernardo, tido pelos petistas como um encontro com as origens do ex-presidente.

Agora, dentro dessa estratégia, Lula pretende se reencontrar com o PT. Ele será a grande estrela da abertura do Congresso do PT na próxima sexta-feira (22/11/2019), em São Paulo, que deve reconduzir, com o apoio do ex-presidente, a deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), uma das mais próximas de Lula durante o período da prisão, à presidência do partido. Lula terá que apontar melhor o caminho para a militância. Há a possibilidade de que ele ainda participe, no dia anterior, da reunião do diretório nacional do partido, também em São Paulo.

rodape_mat
Rodape_Mat2

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here