Home Chicote Nenhuma palavra de Barbudo em defesa de Bolsonaro
fullhome_2
fullinterna_1
fullinterna_3

Nenhuma palavra de Barbudo em defesa de Bolsonaro


| Fonte: Da Redação NMT
Fidelidade destinada a Bivar, tem afastado cada vez mais o mato-grossense do convívio e das pautas bolsonaristas. Foto - Orlando Brito/OsDivergentes

Tem sido revoltante, para boa parte da militância bolsonarista, o silêncio assumido pelo deputado federal, Nelson Barbudo (PSL), líder do partido do presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), em Mato Grosso, desde a semana passada quando a polêmica reportagem da Rede Globo, em pleno Jornal Nacional, trouxe à tona um depoimento de um porteiro que vinculou o nome do mandatário atual da nação com o assassinato da vereadora Marielle Franco, do PSOL.

Simplesmente nenhum comentário, muito menos vídeo, zero declaração na imprensa, absolutamente sequer uma postagem de apoio a Bolsonaro ou que fosse criticando a Rede Globo, alvo da revolta bolsonarista, nasceu da parte de Barbudo. A última postagem registrada até a finalização deste chicote, tanto na conta de Facebook como de Instagram do deputado, é uma exaltação narcisista de que é o mais bem colocado de Mato Grosso no site “Ranking Político”, que possui um método de avaliação bastante questionável, segundo muita gente que acompanha o Congresso Nacional.

A verdade é que Barbudo, que se elegeu unicamente na esteira do 17 de Bolsonaro, já que não tinha histórico político pessoal para sequer estar entre os oito deputados federais eleitos de Mato Grosso, muito menos ser o mais votado, não faz mais parte do time do atual presidente. Como ficou nítido, nas últimas semanas, Nelson escolheu o PSL e seu líder, o deputado federal por Pernambuco, Luciano Bivar (PSL), recentemente visitado pela Polícia Federal, mas fez isso sobretudo de olho no gordo fundo eleitoral e partidário que vai gerenciar no estado nos próximos pleitos.

Ao deixar claro que vê mais valor no dinheiro do que nas bandeiras ideológicas defendidas por Bolsonaro, prestes a sair do PSL, Barbudo recebeu uma enxurrada de críticas de decepcionados apoiadores e chegou a contrapor alguns com xingamentos, conforme mostrou o NMT. Recentemente, para tentar apagar o fogo, o deputado gravou um vídeo com o novo líder do PSL na Câmara Federal, Eduardo Bolsonaro (PSL), que chegou até essa posição derrubando o delegado goiano Waldir (PSL) e sem o apoio do mato-grossense. Na imagem, o filho do presidente ressalta, com visível desconforto, que segue contando com Nelson para ajudar a atual Presidência da República.

A atitude de Eduardo não é nada mais do que natural, os projetos do Governo precisam de votos e Barbudo pode sim ajudar. Agora, que o líder do PSL em Mato Grosso está longe de fazer parte do círculo de confiança da família que atualmente preside o país, isto sem dúvidas é notável e prova-se em fatos, como a indiferença dos Bolsonaros em tê-lo ao lado em agendas oficiais, bem como a reciprocidade assumida em forma da inércia apresentada por Barbudo. O deputado não mexe uma palha mais sequer para tentar proteger a imagem do presidente. Os tantos que se lembram de seus fervorosos atos, antes das eleições de 2018, custam a acreditar que se trata do mesmo homem.

rodape_mat
Rodape_Mat2

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here