Home Editorias Mato Grosso Homem que mandou matar amante da esposa é preso
fullhome_2

Homem que mandou matar amante da esposa é preso


| Fonte: Olhar Direto
Foto: Reprodução

Um homem, identificado como Luiz Shibata, de 68 anos, foi preso nesta terça-feira (20), em Dourados (MS). Ele é suspeito de ser o mandante da tentativa de homicídio contra um homem, identificado como I.M., que estaria mantendo um relacionamento amoroso com a esposa do suspeito, no município de Nova Canaã do Norte (683 Km de Cuiabá), em 2015. A vítima sobreviveu e denunciou os executores, que entregaram Luiz como sendo o autor intelectual do crime.

De acordo com a Polícia  Civil, o suspeito teve o mandado de prisão cumprido em uma ação conjunta das Polícias Civil de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. O crime teve motivação passional, uma vez que o suspeito mandou matar a vítima somente por estar envolvido amorosamente com a sua convivente.

Com a informação de que o suspeito estaria morando na cidade de Dourados (MS), a Polícia Civil dos dois estados (MT e MS) deflagraram uma operação visando dar cumprimento a ordem de prisão contra o foragido, que foi localizado e preso.

A Polícia Civil acompanha o caso.

O crime

A tentativa de homicídio qualificada contra a vítima I.M. aconteceu no dia 03 de outubro de 2015, na zona rural de Nova Canaã do Norte. Na ocasião, Luiz Shibata contratou dois funcionários para tirar a vida da vítima. Para praticar o crime, os executores foram até a residência da vítima, onde a princípio como eram conhecidos, conversaram e tomaram café da manhã juntos.

Em seguida, os suspeitos amarraram a vítima e levaram até a comunidade rural conhecida como “Vista do Cabeça”, onde a agrediram com chutes e pauladas. Durante as agressões, os suspeitos a todo tempo questionavam, se a vítima “voltaria a se envolver com a mulher” e “se teria coragem de voltar à comunidade”.

Para consumar o crime, um dos suspeitos ainda efetuou quatro disparos de arma de fogo contra a vítima, que caiu no rio e só sobreviveu aos ferimentos por razões alheias a vontade dos executores. A vítima prestou declarações na delegacia e assinou o termo de reconhecimento dos suspeitos, sendo um deles preso na época do crime.

Com base nas informações, o delegado Ruy Guilherme Peral da Silva, representou pela prisão preventiva de, Luiz Shibata, apontado como mandante do crime, com objetivo de resguardar a regular investigação policial. “Nessa altura da investigação, o suspeito já estava foragido da Justiça, sendo necessário representar pela sua prisão”, disse o delegado.

O terceiro envolvido no crime, Francismar Lopes Trindade, que efetuou os disparos contra a vítima continua foragido e é procurado pela Polícia.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here